30 de mai de 2008

Pato diz: "Chegar virgem ao casamento? Não, nem se eu fosse Kaká"

O atacante brasileiro Alexandre Pato disse ser evangélico como Kaká, mas afirmou que não chegará virgem ao casamento como seu companheiro do Milan.

- Chegar virgem ao casamento? Não, nem se eu fosse Kaká - comentou o jogador, de 19 anos, em entrevista à edição italiana da revista "GQ", a ser lançada nesta sexta-feira.

O jogador disse ter suas crenças religiosas, mas confessou que não segue o Evangelho "ao pé da letra". Pato falou que quer casar com sua namorada, a atriz brasileira Sthefany Brito, mas sabe que ainda é muito cedo.

Ao falar sobre os problemas do atacante Ronaldo, envolvido numa polêmica com travestis no Rio de Janeiro, ele atribuiu parte do problema à imprensa.

- Mas Ronaldo é tão grande que se recuperará de todos seus problemas: a lesão no joelho e a imagem - afirma.

O jogador também falou sobre o início de sua carreira, a falta de recursos de sua família - da cidade paranaense de Pato Branco, daí o apelido - e a satisfação em poder dar a eles uma vida melhor com o que ganha no mundo do futebol.